Pages

dar espaço às prioridades ♥



Têm sido dias serenos. Começo a sentir-me mais eu, novamente. Deixei as pressões todas para trás, os dissabores e as pessoas tóxicas. Tenho apenas permitido que se aproxime de mim quem me faz bem. Sinto-o na pele, no coração, no meu sorriso. 




Dias para ocupar espaços vazios, planear projectos, inspirar-me em coisas bonitas. Arrumar o natal em caixas, agradecer mais um ano em que tive ao meu lado quem mais amo. Começar a tomar consciência das prioridades que vão chegar e preparar a vida com carinho para as receber ♥





SHARE:

máscaras de oxigénio

"Coloque primeiro a máscara de oxigénio e só depois deve colocar a mesma na criança que está ao seu lado." Quantas vezes já ouvimos esta indicação prestes a levantar voo? E quantas vezes pensamos para nós mesmos que parvoíce, é óbvio que primeiro vou ajudar o meu filho. É aqui que começa um dos maiores erros da nossa vida. E não estou a falar de aviões. Estou a falar de decisões, de atitudes, de amor próprio, de capacidade para percebermos que se não nos ajudamos primeiro, vamos magoar muito mais quem depende de nós. Quem nos rodeia, quem nos quer bem. 

Hoje acordei e percebi que estou a ignorar a minha máscara de oxigénio há demasiado tempo. Tive de ouvir e aceitar palavras duras de quem só quer que eu seja feliz. Tive de desistir de lutar numa batalha que vou acabar sempre por perder. Hoje tive de ter força para desistir do que me está a trazer mais mal que bem. E percebi que esta é a decisão mais difícil de todas. Mais difícil do que dizer sim, do que aceitar o que a vida nos traz, do que espernear só para provarmos o que quer que seja a nós mesmos, mais difícil do que tudo isso, é desistir. É dizer não. É virar costas. 

Foi a primeira vez que me obriguei a usar a máscara de oxigénio antes de mais alguém, foi a primeira vez que tomei uma decisão pela minha família, pela pessoa que amo, pelo bebé que cresce dentro de mim. Foi a primeira vez que tomei uma decisão de mãe.



SHARE:

o Japão fica para depois


Sobre esta, que será a viagem mais emocionante da nossa vida, podem ler tudo aqui.


Obrigada por estarem desse lado e voem connosco nos próximos meses!



Um beijinho especial às Joanas do Blog A Mãe é que Sabe, por acreditarem nas minhas palavras e partilharem este momento tão especial!


SHARE:

o meu único desejo

E de repente tudo muda. Sentes que o vento mudou de rumo, que o sol brilha mais para ti, que os teus receios te concedem finalmente um momento para respirar, que o mundo gira mais no teu sentido. São estes dias que nos permitem construir sonhos, relativizar palavras e atitudes, acreditar que conseguimos mesmo mesmo ser felizes. Viras a página e tens o mundo todo à tua espera, todas as oportunidades estão em aberto. É um novo capítulo, um novo rumo, que te aproxima mais do objectivo do teu coração. São Pessoas Que Acreditam Em Ti. Que te desejam palavras doces, que agradecem que estejas presente nas suas vidas. E essas Pessoas valem por todas as outras. 



Para 2017 tenho apenas um desejo:

Que se cruzem comigo as Pessoas Certas.
SHARE:

2017, traz-me coisas boas ♥

Os anos pares são os meus anos de preparação para os ímpares. São a transição para algo maior, um salto no meu crescimento, na minha vida em si. 2016 foi, como esperado, um ano de passagem. Mas sobretudo foi um ano de limpeza e crescimento pessoal. Tenho a agradecer a 2016 a viagem à Islândia e a clareza de espírito. A arrumação que fiz nas minhas relações. Limpei muitas pessoas que me traziam dissabores, abracei outras que chegaram com o coração cheio. Aprendi a desconfiar de sorrisos prontos e palavras sem sentido. Cheguei um bocadinho mais perto de perceber o que é realmente importante nos nossos dias, o que é realmente priritário. O que nos traz serenidade e nos faz acordar felizes. Sonhei com o meu projecto de vida, falei dele às pessoas indispensáveis para vê-lo crescer, mas ainda tenho de amadurecer os passos para trazê-lo à luz dos dias. Sei, graças a 2016, o que realmente quero fazer e o que não quero continuar a fazer, de todo. Mas, sobretudo, quero agradecer o espaço que desocupei na minha vida e nos meus dias. Porque as coisas boas só chegam quando arranjamos espaço para elas entrarem e ficarem connosco. E eu tenho muito espaço à espera do que 2017 me vai trazer de bom.


 E alguma coisa me diz que vai ser um ano realmente ímpar ♥
SHARE:

é tempo de natal


Que seja tempo de dar mais de nós aos outros. De nos lembrarmos de quem está longe, de oferecer palavras meigas a quem gosta de nos ouvir, de abraçar com força quem faz parte da nossa vida. Tempo de parar e agradecer o que temos, o que nos faz felizes, as pessoas que a vida nos trouxe.

É tempo de estar em família e com os amigos que escolhemos.

É tempo de natal.





Feliz Natal :)



SHARE:
© O que vem à rede é peixe. All rights reserved.